segunda-feira, 25 de janeiro de 2010

RIO DE JANEIRO


A origem do nome Rio de Janeiro se deve a um equívoco: no dia 1º de janeiro de 1532, Martim Afonso de Souza descobriu a enseada e a confundiu com um grande rio.



A lista com os nomes a NÃO SEREM VOTADOS está abaixo.  Divulgue entre  seus conhecidos e peça que façam o mesmo.


Que os cariocas esqueçam um pouco a beleza que temos e observem o que poderia ser o nosso Estado e no que se tornou por conta do descaso político: favelas, ruas imundas e esburacadas, maior parte da população constituída por pessoas sem instrução e sem atendimento médico.  Gente atingida pelas ruas com balas perdidas,  assalto, sequestro ...   Para piorar, os traficante dominaram principalmente a capital.  Só um exemplo: os vendedores de gás, para trabalhar, são obrigados a  'pagar'  DOIS MIL REAIS POR SEMANA aos traficantes para que os deixem entrar na área sob seu comando.   É o caso do filho da Luzia  (entrevista:  http://puteiro-nacional.blogspot.com/2009/07/entrevista-com-luzia-que-trabalha-aqui.html ) que abandonou a autonomia que sempre teve, vendeu seu caminhão e agora trabalha na entrega de produtos para uma dessas grandes lojas. Sua independência foi tomada pelos meliantes.

No final da página, algumas fotos da decadência do Rio de Janeiro.  Tudo provocado pelo desrespeito dos políticos e pela falta de civilidade dos cidadãos que vivem num país sem escolas decentes.

NÓS SOMOS OS RESPONSÁVEIS PELA CANALHICE DO CONGRESSO, PORQUE ELEGEMOS AS PESSPOAS ERRADAS.  VAMOS TROCAR OS POLÍTICOS QUE LÁ ESTÃO, NÃO PERMITINDO QUE QUALQUER UM DELES SE REELEJA.  

Não deixem de ver mais esta página feita para os cariocas

Alair Correa (PMDB) Alessandro Calazans (PMN)
Alessandro Molon (PT)
Alexandre Cardoso (PSB)
Alexandre Santos (PMDB)
Altineu Cortes (PMDB)
Alvaro Lins (PMDB)

Anabal (PHS)

André Corrêa (PPS)

André do PV (PV)

Andréia Zito (PSDB)

Aparecida Gama (PMDB)

Armando José (PSB)

Arolde de Oliveira (PFL)

Beatriz Santos (PRB)

Bernardo Ariston (PMDB)

Brizola Neto (PDT)

Carlos Minc (PT)

Carlos Santana (PT)

Chico Alencar (PSOL)

Chico D'Ângelo (PT)

Chiquinho Da Mangueira (PMDB)

Christino Aureo (PMN)
Cida Diogo (PT)
Cidinha Campos (PDT)
Comte (PPS)

Coronel Jairo (PSC)

Deley (PSC)

Dica (PMDB)

Dionisio Lins (PP)

Domingos Brazão (PMDB)

Dr. Adilson Soares (PL)

Dr. Alcides Rolim (PL)

Dr. Audir (PSC)

Dr. Márcio Panisset (PFL)

Dr. Wilson Cabral (PSB)

Édino Fonseca (Prona)

Edmílson Valentim (PCdoB)

Edson Albertassi (PMDB)

Edson Santos (PT)

Eduardo Cunha (PMDB)
Ezequiel (PMDB)

Fabio Silva (PMDB)

Felipe Bornier (PHS)

Fernando Gabeira (PV)

Fernando Gusmão (PC do B)

Fernando Lopes (PMDB)

Filipe Rio de Cara Nova (PSC)

Flavio Bolsonaro (PP)

Gerson Bergher (PSDB)

Gilberto Palmares (PT)
Glauco Lopes (PSDB)

Graça (PMDB)

Graca Pereira (PFL)

Hugo Leal (PSC)

Índio da Costa (PFL)

Inês Pandeló (PT)

Jair Bolsonaro (PP)

Jane da Nubia (PTC)

João Peixoto (PSDC)

Jodenir Soares (PT do B)

Jorge Babu (PT)

Jorge Bittar (PT)

José Nader (PTB)

Leandro Sampaio (PPS)

Léo Vivas (PRB)

Leonardo Picciani (PMDB)

Luiz Paulo (PSDB)

Luiz Sergio (PT)

Marcelino D'Almeida (PFL)

Marcelo Freixo (PSOL)

Marcelo Itagiba (PMDB)

Marcelo Simão (PHS)

Marco Figueiredo (PSC)

Marcos Abrahão (PSL)

Marina Maggessi (PPS)

Mario Marques (PSDB)

Miro Teixeira (PDT)

Natalino (PFL)

Neílton Mulim (PPS)

Nélson Bornier (PMDB)

Nelson Gonçalves (PMDB)

Noel de Carvalho (PMDB)

Olney Botelho (PDT)

Otávio Leite (PSDB)

Pastor Manoel Ferreira (PTB)

Paulo Melo (PMDB)

Paulo Ramos (PDT)

Pedro Augusto (PMDB)

Pedro Fernandes Neto (PFL)

Pedro Paulo (PSDB)

Picciani (PMDB)

Pudim (PMDB)

Renata do Posto (PAN)

Renato Cozzolino (PDT)

Roberto Dinamite (PMDB)
Rodrigo Dantas (PFL)

Rodrigo Maia (PFL)

Rodrigo Neves (PT)

Rogerio Cabral (PSB)

Rogério Lisboa (PFL)

Sabino (PSC)
Sandro Matos (PTB)

Sheila Gama (PDT)

Sílvio Lopes (PSDB)

Simão Sessim (PP)

Solange Almeida (PMDB)

Solange Amaral (PFL)

Suely (PRONA)Zito (PSDB)

Sula (PMDB)

Tucalo (PSC)

Vinícius Carvalho (PTdoB)

Wagner Montes (PDT)

Waldeth do INPS (PL)

Walney Rocha (PAN)


Há muitos políticos envolvidos em maracutais,
que não têm seus nomes na lista suja.
- ALMIR MOURA - DEM
Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
- Arnaldo Vianna (PDT)
Inquérito 2826 – crimes de responsabilidade
Inquérito 2827 – crimes de responsabilidade/crimes de lei de licitações
- Arolde de Oliveira (DEM)Inquérito 2798 - Crimes contra o sistema financeiro nacional, crimes contra a ordem tributária- Bispo Rodrigues - Carlos Rodrigues Ex-Deputado PR
- Cida Diogo (PT)Inquérito 2821 – crime de competência por prerrogativa de função - DOUTOR HELENO Deputado PSC
Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
- Edson Ezequiel (PMDB)
Inquérito 2300 - peculato, emprego irregular de verbas públicas e corrupção passiva. O processo corre em segredo de Justiça.
- ELAINE COSTA Deputada PTB
Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
- FERNANDO GONÇALVES Deputado PTB
Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
- Geraldo Pudim (PMDB)
Inquérito 2601 - crimes eleitorais
Inquérito 2704 - boca de urna.

- ITAMAR SERPA Deputado PSDB
Crime Contra o Consumidor, Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)

- JOÃO MENDES DE JESUS Deputado PSB
Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)

- JOSÉ DIVINO Deputado PRB
Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)

- JÚLIO LOPES Deputado PP
Falsidade Ideológica

- LAURA CARNEIRO Deputada DEM
Improbidade Administrativa e Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)

- Leandro Sampaio (PPS)
Ação Penal 419 – crimes de responsabilidade durante gestão como prefeito
Ação Penal 442 – crime contra o meio ambiente e patrimônio genético/ poluição

Inquérito 2596 – crimes contra a ordem tributária (imposto de renda da pessoa física). Este corre em segredo de Justiça.

- MARCELO CRIVELA Senador PRB
Crime Contra o Sistema Financeiro e Falsidade Ideológica

- NELSON BORNIER Deputado PMDB
Improbidade Administrativa

- PAULO BALTAZAR Deputado PSB
Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)

- PAULO FEIJÓ Deputado PSDB
Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)

- REINALDO BETÃO Deputado PR
Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)

- REINALDO GRIPP Deputado PR
Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)

- Roberto Jefferson Ex-Deputado PTB
Mensalão

- Silvio Lopes (PSDB)

Inquérito 2641 - crimes de responsabilidade, durante gestão como prefeito

Inquérito 2837 – investigação penal por prerrogativa de função

Inquérito 2855 – crimes na Lei de Licitações

- Solange Almeida (PMDB)

Inquérito 2664 - crime de responsabilidade, atribuídos a gestão como prefeita

Inquérito 2726 - crime de responsabilidade, atribuídos a gestão como prefeita

Inquérito 2834 – crimes praticado contra a administração pública. Emprego irregular de verbas ou rendas públicas

- VIEIRA REIS Deputado PRB
Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)

A beleza das nossas praias fica apenas na orla e
nosso Estado não se limita a samba, suor e cerveja.


SINTA ORGULHO AO VOTAR NA ELEIÇÃO DE 2010.

4 comentários:

Anna disse...

Duvido que a senhora acompanhe as atividades de todos esses parlamentares que estão na sua lista. Se acompanhasse saberia que alguns deles fazem um excelente trabalho em prol do Estado do Rio de Janeiro. Não é uma atitude muito inteligente colocar joio e trigo no mesmo saco.

Jurema Cappelletti disse...

Anna, não estou jogando joio e trigo no mesmo saco, até porque não haveria saco tão grande onde coubessem todos.

O que deve ser feito é trocar constantemente oa parlamentares, não deixando que se instalem definitivamente em cargos públicos. Aliás, DEVERIA SER PROIBIDO ABANDONAR SEUS MANDATOS PARA CONCORRER A OUTRO, DESCUMPRINDO O COMPROMISSO TÁCITO QUE ASSUMIRAM COM QUE OS ELEGEU.

É como disse Eça de Queiroz: "Políticos e fraldas devem ser trocados de tempos em tempos pelo mesmo motivo." Sabe qual o motivo?

Lucio Flávio disse...

Concordo que muitos deles não fazem jus ao salário e ao voto do povo, mas generalizar, isso eu também não concordo, até por que se seguirmos essa linha, todos que entrarem lá, se envolveram em maracutáias, mesmo, já que não importa se fazem ou não um bom trabalho e praticam uma política séria.

Na minha opinião devemos sim, avaliar muito bem o candidato que vamos votar, ver a sua atuação e dai julgar se o que produziu em pró do pais é digno do nosso voto.

Obrigado pelo espaço.

Jurema Cappelletti disse...

Anna e Lucio,

Vocês têm razão em defender os políticos que fazem algo de útil, embora seja apenas obrigação e para isso foram escolhidos (na maior parte das vezes, mal escolhidos). Mas há duas coisas inaceitáveis:

- Não completar o mandato para o qual foram eleitos para concorrer a outro. Certamene não é para o bem do povo, mas para não perder o ôba-ôba. Isto é falta de respeito com o eleitor que o elegeu. Vamos acertar e dar a eles um salário normal, sem tantas regalias e mamatas para ver se estariam tão ansiosos assim para continuar em cargo político. Vocês acham que sim ?

- Se eternizar no poder. O poder é uma espécie de crack. Depois que o sujeito se elege pela primeira vez, não consegue mais sair. Estou preparando a relação de tempo de 'serviço' de todos eles. Entre os senadores, por exemplo, a maior parte tem pelo vinte anos de 'serviço'.

Eles transformaram cargo político em profissão, muitos não aparecem no Congresso, estão sempre com projetos que interesses a eles, como se a indecência vantajosa fosse pouca e vai por aí.

TEMOS QUE 'APOSENTAR' ESSA GENTE .